Programa Jovem Aprendiz 2018

0

Conseguir uma colocação e crescimento no mercado de trabalho é cada vez mais um objetivo árduo, isto porque as vagas estão cada vez mais especializadas, exigindo dos profissionais cursos de capacitação, especialização que vão muito além da formação tradicional básica, além da experiência, que acaba sendo um principal problema para quem está buscando o seu primeiro emprego.

Os jovens brasileiros tem enfrentado dia após dia essas dificuldades e, muitas vezes, demoram anos para conseguir uma vaga, principalmente aqueles que não tem condições de se dedicar somente aos estudos e precisam trabalhar para manter suas casas.

Jovem Aprendiz 2018

Por outro lado, essa grande dificuldade acaba também por prejudicar a economia de um local, uma vez que, quanto menos trabalhadores, menor será a produção e o estímulo ao comércio local. O desemprego de jovens que buscam o seu primeiro emprego é também um grande problema enfrentado pelo governo brasileiro.

Com o intuito de estimular a produção, a economia do país e garantir melhores empregos, renda e um plano de carreira para os jovens estudantes e recém-formados no ensino médio ou técnico, o Governo Federal criou o programa Jovem Aprendiz.

Se você é jovem se encontra nessa situação, conheça abaixo todas as informações sobre esse programa e aproveite uma grande oportunidade para dar uma guinada em sua vida profissional!

 

O que é o Programa Jovem Aprendiz 2018?

O Programa Jovem Aprendiz foi criado pelo Governo Federal com o objetivo de oferecer mais oportunidades no mercado de trabalho, a jovens em formação, sem experiência e que estejam iniciando a sua vida profissional no aprendizado de um ofício.

Esse programa é destinado a jovens de todo o país que ainda não tenham se inserido formalmente no mercado de trabalho. Estes são contratados por empresas de médio e grande porte, parceiras do Governo no programa e lá, aprendem as funções básicas e realizam cursos de capacitação relacionados à área de contratação.

São oferecidas vagas em empresas públicas ou privadas nas diversas áreas de atuação através de seleções feitas pelas empresas nos municípios destinados. Essas seleções podem ser feitas tanto nas empresas quanto através de agências de emprego para estudantes, como o CIEE, por exemplo.

Cumprindo esses requisitos, além da experiência, os jovens são também remunerados e recebem desde já seus direitos de trabalho. Em algumas vagas, principalmente nas empresas privadas, pode haver ainda a possibilidade de efetivação futura e um plano de carreira para o jovem trabalhador, que irá crescer em sua função e atingir o sucesso profissional.

Quais são os benefícios do Programa Jovem Aprendiz 2018?

Oferecer mais uma oportunidade de experiência a jovens que não entraram ainda no mercado de trabalho, essa é uma das principais vantagens concedidas pelo programa.

Às empresas, os grandes benefícios são o treinamento de funcionários que conheçam de perto os diversos setores que a compõem, suas necessidades, valores e objetivos, criando, assim, um profissional com maior produtividade e compromisso coma a organização.

Além da experiência, os benefícios concedidos pelo programa Jovem Aprendiz 2018 são:

  • Renda fixa referente a um salário mínimo;
  • Registro em carteira de trabalho;
  • FGTS;
  • 13° Salário;
  • Contribuição ao INSS;
  • Férias junto ao período de férias escolares;
  • Vale-Refeição / Vale-Alimentação;
  • Auxílio-Transporte.

É importante ressaltar que os jovens contratados pelo programa Jovem Aprendiz possuem um tempo mínimo de estágio garantido em contrato e recebem todos os direitos trabalhistas regulares, como é determinado pelo Governo Federal.

Jovem Aprendiz 2018

Pelo fato de essas vagas serem oferecidas por empresas de médio e grande porte, normalmente, referências regionais ou nacionais (indústrias, bancos, etc), a experiência oferecida pelo programa dá maior competitividade ao profissional quando este concorrer a outras vagas de emprego, futuramente, estando a frente de outros concorrentes.

Quem pode participar do programa Jovem Aprendiz 2018?

Para participar do programa, os jovens cadastrados devem atender a determinados requisitos exigidos pelo Governo, que são:

  • Idade entre 14 e 24 anos;
  • Não possuir experiência trabalhista formal prévia;
  • Regularmente matriculados ou concluídos no ensino fundamental, médio ou técnico;
  • Preferência para alunos de escola pública;
  • Frequência e desempenho escolares positivos.

Essas são as regras gerais do programa. Dentro delas, as empresas tem liberdade para definir as próprias qualificações, como idade e formação mínima, de acordo com a complexidade de cada função. Por isso, é sempre bom estar atento às exigências de cada vaga.

A carga horária de cada trabalho também pode variar, sendo, em média, de 20h e inclui cursos de capacitação. Por isso, além das exigências acima, o jovem precisará ter disponibilidade de pelo menos 20 h de trabalho.

Quanto ao salário, ele é definido de acordo com a carga horária da função e no mínimo, é proporcional ao valor do salário mínimo para uma jornada de 40h semanais. Exemplo: 20h equivale a meio salário mínimo, mais todos os benefícios e direitos trabalhistas.

Como se inscrever para o programa Jovem Aprendiz 2018?

As inscrições para o Jovem Aprendiz 2018 ainda não estão abertas, porém, é possível ainda aproveitar algumas vagas para o jovem aprendiz do ano corrente. As vagas são oferecidas pelas empresas de médio e grande porte e ainda existem algumas remanescentes, especialmente em multinacionais e empresas de referência.

Para se inscrever, é preciso prestar a seleção aberta pela empresa destinada. Você pode encontrar informações nas próprias instituições, assim como no Centro de Integração Empresa-Escola – CIEE e em sites de vagas, como o vagas.com.br.

Jovem Aprendiz 2018 Candidate-se

Primeiramente, o jovem deverá pesquisar quais empresas em sua cidade oferecem vagas para o programa Jovem Aprendiz e, então, elaborar o seu currículo, incluindo qualificações, habilidades e formação acadêmica. Se tiver participado de cursos, oficinas, workshops ou projetos, é importante mencioná-los no currículo para aumentar a sua competitividade.

Após elaborar o currículo, ele deverá entrar em contato com a empresa, por meio de formulários de inscrição online, e-mail, via telefone ou pessoalmente, a fim de se informar sobre o processo seletivo específico.

Fique atento às vagas e participe já!

Trabalhar no programa Jovem Aprendiz 2018 pode lhe oferecer diversas vantagens econômicas, além de abrir muitas oportunidades profissionais no futuro.

Os jovens que participaram desde programa possuem mais experiência e são os preferidos para contratações futuras, além de aproveitarem a possibilidade de serem novamente contratados pela empresa e iniciarem um plano próprio de carreira, basta ser um bom profissional e aproveitar as oportunidades.

Não fique de fora, confira já as vagas para o Programa Jovem Aprendiz e garanta o seu sucesso profissional!

Programa Jovem Aprendiz 2018
4.5 (90%) 2 votes

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.